FALE CONOSCO

31   3270-3999

WhatsApp

31 99915-7431

Concurso

Atenção à má postura: ela pode atrapalhar os seus estudos!

Você está alimentado, a casa está silenciosa e os livros estão sobre a mesa: é hora de estudar. Sua atenção está totalmente voltada para o assunto, que te absorve. Cinco minutos depois, a primeira ação imperceptível e automática é dobrar o corpo para a frente. Totalmente envolvido pelos estudos, não demora muito e você vai escorregar o quadril na cadeira. Por último, para provar tamanha sede de conhecimento, apoia a cabeça na mão, o cotovelo fincado sobre a mesa. Parabéns: você está completamente torto e não demorará mais do que meia hora até começar a sentir dores na cervical e na lombar; e aí, adeus livros.

O cuidado com a postura durante o estudo evita o cansaço físico, a dor postural e a má circulação. Com menor desgaste do corpo, a concentração do estudante melhora. Por isso, não bastam um cantinho silencioso e um estômago forrado para fazer as suas horas em frente aos livros renderem mais. Estudar sentado em uma cadeira regulável, em frente a uma mesa com altura compatível e manter uma postura ereta são fatores que influenciam diretamente na qualidade do estudo, segundo Maurício Garcia, coordenador do Setor de Fisioterapia do Instituto Cohen de Ortopedia, Reabilitação e Medicina do Esporte e fisioterapeuta do Centro de Traumatologia do Esporte da Unifesp.

“Alguns estudos mostram que boa parte dos estudantes acaba lendo ou escrevendo com a cabeça apoiada na mão, com o tronco para frente. Nessa postura, há um maior gasto energético do corpo e mais dores. Se o estudante está numa posição desconfortável, ele acaba se mexendo mais vezes e vai perdendo a concentração. É aí que entram os professores e os pais chatos, porque não há nada a ser feito, a não ser chamar a atenção para corrigir a postura. No caso dos concurseiros, que já passaram pela infância e adolescência, muitas vezes o estrago já está feito. Consertar a questão da postura, em quem há anos se acostumou a descuidar do próprio corpo, dá um pouco mais de trabalho”, disse Garcia.

O especialista aconselha, nesse caso, que sejam dados três passos fundamentais: o primeiro, procurar um ortopedista ou um fisioterapeuta para descartar problemas estruturais, como escoliose, hérnia de disco, escorregamento de vértebra (espondilolise e espondilolistese) e avaliar quaisquer instabilidades da coluna. O segundo passo, caso não haja qualquer problema mais sério, é cuidar da parte muscular. “Será preciso fazer uma avaliação postural para detectar diferenças funcionais, como encurtamento do posterior da coxa, projeção de cabeça ou ombros, entre outros”. Por último entram as indicações de atividades para correção postural para minimizar futuras complicações de sobrecarga. “Há várias opções neste caso, como RPG, pilates, alongamento e musculação. Vai depender do diagnóstico e da disponibilidade do concurseiro”, explicou Maurício Garcia, que deixou algumas dicas de como tornar o seu ambiente de estudos mais apropriado. Confira:

postura-certaeerrada

A cadeira 
Use uma cadeira que proporcione apoio para suas costas, de cima até embaixo, com uma ligeira curvatura na lombar (ou pegue uma almofada para ela). A cadeira deve posicioná-lo de forma que você não precise se curvar para trabalhar — assim seu peso fica bem distribuído no quadril — e que te permita apoiar os dois pés no chão. A linha do ombro, cotovelo e braço apoiado na mesa faz um ângulo de 90° graus. O mesmo ângulo também é utilizado pela coluna e coxas no assento da cadeira.

A mesa

Você não deve se curvar para frente sobre a mesa. Se isso acontecer, aumente a altura do seu PC, notebook ou dos livros usando alguns livros mais grossos como suporte. Existem algumas opções de suportes que podem ser adquiridos até mesmo pela internet. Você também pode pegar uma cadeira com altura regulável, assim poderá abaixá-la, ou, se for possível, comprar uma mesa mais alta, com ajuste do tampo para as diversas ocasiões de estudo.

A luz

É preciso verificar se a luz do seu local de estudo pode ser bloqueada quando você lê. O ideal é ter uma iluminação específica, como uma pequena lanterna de leitura ou um abajur. Certifique-se, ainda, de que a luz seja branca e tenha brilho suficiente — lâmpadas de luz amarelada podem trazer problemas para os olhos, em longos período de leitura.

Fonte: FD – Por – Débora Thomé

 


Informativos Mega

Para receber nossos informativos pelo whatsapp, pedimos por gentileza, que adicione nosso número em seus contatos: 31-99728-5431