FALE CONOSCO

31   3270-3999

WhatsApp

31 99667-5531

Concurso

Ministério da Fazenda

Segue em análise pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, a solicitação feita pelo Ministério da Fazenda para realização de um novo concurso . O pedido feito ao MPOG abrange alocação de servidores tanto nas unidades do Ministério quanto na Receita Federal do Brasil. As localidades nas quais serão direcionadas as vagas ainda não foram divulgadas, mas segundo o órgão a falta de servidores é nacional. De acordo com o Protocolo Integrado do Governo, a última movimentação no projeto do concurso ocorreu no dia 21 de janeiro de 2016, quando a Coordenação-Geral de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas do Ministério do Planejamento recebeu o processo na unidade .

Se liberado, o processo servirá para selecionar candidatos para os cargos de Assistente e Analista Técnico-Administrativo, que possuem vencimentos entre R$ 3,6 mil e R$ 4,8 mil e exigem nível médio e superior, respectivamente.

Os concursos públicos do Ministério Fazenda são uma ótima oportunidade para quem busca ingressar na carreira pública. O órgão é conhecido por ofertar um grande número de vagas, que são distribuídas em todo o país. Além disso, os servidores são contratados por meio de regime estatutário, que garante estabilidade na carreira após aprovação no estágio probatório.

Até o momento, a confirmação por parte do MPOG é de que o pedido inicial soma 3.000 vagas, sendo 2.500 referentes ao cargo de Assistente Técnico-Administrativo, que possui requisito de ensino médio completo e prevê remuneração de R$ 3.756,82; e 500 vagas para o cargo de Analista Técnico-Administrativo, que exige formação em nível superior em qualquer área e tem rendimentos iniciais de R$ 4.969,02. Ambos já têm incluso o auxílio-alimentação reajustado a partir de janeiro/2016, de R$ 458,00.

O pedido continua em trâmite no Setor de Desenvolvimento Econômico e Produtivo do MPOG e representantes do Ministério da Fazenda informam que é urgente a contratação para preencher déficit em quadro de pessoal administrativo do órgão, que cresce anualmente. Segundo o órgão, desde a criação dos cargos, no ano de 2008, 1.758 servidores já deixaram seus postos, o que corresponde a 60% do quadro total de funcionários. Essa baixa traz diversos problemas aos serviços administrativos dos órgãos ligados ao Ministério da Fazenda, como Receita Federal, Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, Tesouro Nacional e o próprio ministério.

Quanto a possível organizadora do próximo certame no Ministério, a expectativa é de que se mantenha a mesma instituição dos outros concursos do órgão, ou seja, a Escola de Administração Fazendária- ESAF. Sendo assim, o candidato que deseja prestar esse concurso pode iniciar seus estudos avaliando as provas elaboradas pela banca em concursos anteriores, assim como os conteúdos programáticos exigidos.

O pedido encaminhado ao MPOG também contempla concurso público para a Receita Federal. A assessoria do órgão informou que as vagas solicitadas referem-se aos cargos de Analista Tributário e Auditor Fiscal. Ambos exigem formação em nível superior em diversas áreas e contemplam salários de, respectivamente, R$ 8.798,88 e R$ 14.965,44, mais auxílio alimentação no valor de R$ 458.

O último seletivo do Ministério da Fazenda ocorreu em 2014 e ofertou 1.026 vagas no cargo de Assistente Técnico-Administrativo, com lotação em todos os estados da federação.

 


Informativos Mega

Para receber nossos informativos pelo whatsapp, pedimos por gentileza, que adicione nosso número em seus contatos: 31-99728-5431