FALE CONOSCO

31   3270-3999

Concurso

Ministério Público de Minas Gerais – MP MG


Foi publicado o edital do concurso do Ministério Público de Minas Gerais MP MG, para preenchimento de 100 vagas e formação de cadastro de reserva para Promotor de Justiça Substituto, com remuneração de R$ 30.404,42. Das vagas, 10% serão destinadas para os candidatos portadores de deficiência e 20% ficam para os candidatos negros.

As inscrições podem ser feitas no período de 5 de agosto a 5 de setembro de 2022, pelo site da banca organizadora, a Fundep. O valor da taxa de inscrição é R$ 304,00, que deve ser paga até 6 de setembro.

A prova preambular será aplicada em Belo Horizonte, no dia 09 de outubro de 2022, com 80 questões dos Grupos Temáticos. Também haverá as etapas que compreendem as provas especializadas; exame psicotécnico e exames de higidez física e mental, de caráter subsidiário; provas orais e avaliação de títulos.

São requisitos para participar do concurso: diploma de bacharel em Direito; comprovação de exercício profissional de atividade jurídica por, no mínimo, 3 anos; comprovação de idoneidade moral no âmbito pessoal e profissional; aptidão física e mental para o exercício do cargo, comprovada por laudo médico oficial.

Outros cargos

A Assessoria do Ministério Público de Minas Gerais – MP MG também tem a intenção de divulgar o edital para outros cargos. Já foi publicado no Diário Eletrônico a formação da comissão do certame para o Quadro Permanente dos Serviços Auxiliares.

A comissão é o grupo responsável por dar andamento aos trâmites administrativos do certame, como o processo de escolha de banca, que é a próxima etapa aguardada.

Segundo o Portal da Transparência do órgão, os salários base são de R$3.728,29 para Oficial e R$5.743,70 para Analista. Atualmente existem 201 cargos vagos para Oficial do Ministério Público, que exige o Nível Médio de Ensino e tem jornada de trabalho de 30 a 35 horas semanais.

No último Concurso, em 2012, a organização foi feita pelo próprio órgão. Foram ofertadas 33 vagas imediatas, sendo quatro para pessoas com deficiência, além da formação de cadastro de reserva para 51 regiões diferentes.

As etapas foram de prova objetiva para todos os cargos e prova de redação para o cargo de Analista, com especialidade em Direito. A prova objetiva foi composta pelas disciplinas Língua Portuguesa, Noções de Direito, Noções de Informática, Atualidades e Conhecimentos Específicos.

Importante notar que apesar da oferta inicial ter tido 54 vagas imediatas + CR, foram nomeados 824 candidatos, sendo 382 para Oficial – Serviços Diretos e 442 para Analista  – Diversas especialidades.