FALE CONOSCO

31   3270-3999

Concurso

Instituto Nacional do Seguro Social – INSS


Em entrevista concedida recentemente, o presidente do INSS, Leonardo Rolim, afirmou estar bastante otimista com a possível autorização de um novo concurso público do órgão. Segundo ele, ano passado foram contratados 3 mil temporários com contrato até o final de 2021, daí a necessidade do concurso para substituí-los e para preencher as vagas dos que estão se aposentando.

O INSS enviou ao Ministério da Economia uma nova solicitação para autorização de concurso com projeção preliminar de mais de 10 mil vagas. O órgão deverá retificar essa projeção nos próximos dias, para se adequar à previsão da Lei Orçamentária Anual (LOA 2021).

Também foi solicitada a autorização para previsto o concurso para o cargo de Perito Médico, também solicitado em 2020. Segundo o despacho, a Subsecretaria da Perícia Médica Federal apresentou toda a documentação necessária.

Foi informado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que após concluir o novo dimensionamento e planejamento de Recursos Humanos do órgão em 2022, deve ser programado o tão esperado concurso para preencher os cargos de técnicos e analistas que estão em déficit.

A informação foi passada pela Assessoria de Imprensa da autarquia, que também informou que um novo pedido de concurso será encaminhado ao Ministério da Economia assim que expirarem os contratos temporários, em maio de 2021.

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social – Fenasps defende a realização do concurso efetivo e melhorias da situação trabalhista dos colaboradores do INSS, para reduzir o déficit do quadro e resolver o atraso gerado no atendimento dos usuários, que chegam a 1,5 milhão de pendências.

Na segunda quinzena de novembro, foi divulgada uma solicitação de novo concurso público para reposição de profissionais no cargo de Perito Médico e Previdenciário, que já está em análise do Ministério da Economia.

Antes da pandemia do novo Coronavírus, o presidente do INSS, Renato Rodrigo Vieira, havia confirmado que havia a necessidade de preenchimento de 7.888 cargos, com remunerações de até R$10.616,14.

A expectativa era que as oportunidades e ganhos sejam distribuídos da seguinte forma:

Técnico do Seguro Social (3.984) – R$ 5.344,87
Analista do Seguro Social (1.692) – R$ 7.954,09
Perito Médico (2.212) – R$ 10.616,14

Antes da reestruturação, o INSS já contava com mais de 20 mil cargos vagos, fato que chegou a afetar a insatisfação de mais de 2 milhões de segurados que tiveram seus benefícios atrasados.

Último concurso

O último certame aconteceu em 2015. Na época, foram oferecidas 150 vagas para o cargo de Analista do Seguro Social e 800 para Técnico do Seguro Social. A banca organizadora foi o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), antigo Cespe.

Para o cargo de Técnico, foi necessário certificado de conclusão de curso de ensino médio, com remuneração de até R$ 4.886,87. O conteúdo programático englobou Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática, Ética no Serviço Público, Regime jurídico Único, Direito Constitucional, Direito Administrativo e Seguridade Social.

Já para o cargo de Analista, foi exigido nível superior em Serviço Social, além de registro no órgão de classe específico, com remuneração de R$ 7.496,09. O conteúdo da prova envolveu Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática, Legislação Previdenciária, Legislação de Assistência Social,  Direito Constitucional, Direito Administrativo e Serviço Social.

Ambos os cargos deveriam cumprir 40 horas semanais de trabalho.

 

 

 

 

 

Informativos Mega

Para receber nossos informativos pelo whatsapp, pedimos por gentileza, que adicione nosso número em seus contatos: 31-99728-5431